Sobre carnes

Produção

Com o maior rebanho comercial do mundo, que gira em torno de 170 milhões de cabeças, o Brasil dispõe de todas as condições para produzir carne saudável e de alta qualidade.

A possibilidade de o gado brasileiro vir a contrair o mal da ”vaca louca”(EBB – Encefalopatia Espongiforme Bovina), como ocorreu na Europa e na Ásia, é bastante remota. Pesquisas indicam que a doença está associada ao fato de os animais terem sido alimentados com farinhas de origem animal (ossos e de sangue). Por aqui, o gado se alimenta basicamente de pastagens.

Consumo

Carne fresca deve ter coloração vermelho-cereja brilhante e uma certa elasticidade, cedendo à pressão dos dedos. A gordura deve ser amarela clara, próxima à tonalidade da manteiga. Já a carne embalada a vácuo tem coloração mais escura, o que é normal e não indica deterioração.

Carne congelada tem validade de três meses a oito meses no freezer. Três meses no caso de carne moída; seis meses para bifes ou carne assada; oito meses para carne em pedaços. Se a carne permanece congelada por muito tempo, ela começa a ressecar. Uma vez descongelada, a carne crua não deve ser novamente congelada.

Gastronomia

Para calcular a quantidade ideal de carne em um churrasco, considere a média entre 400g e 600g por adulto e 300g por criança.

Grelha ou espeto? Muitos churrasqueiros preferem a grelha, argumentando que assim a carne é assada por inteiro e não perde o suco, pois não é furada. Em nossos vizinhos do Mercosul, a grelha é utilizada com maior freqüência do que o espeto. A grelha favorece as carnes sem osso, em detrimento das carnes com osso, como a costela.

Saúde e Nutrição

A carne bovina é uma excelente fonte de proteínas de alta qualidade, de minerais como ferro e zinco, de ácidos graxos essenciais e de vitaminas do complexo B. A carne bovina magra deve fazer parte de uma alimentação saudável e variada, pois encerra uma grande concentração de nutrientes essenciais em relação à quantidade de energia que contém.

Além disto, a carne se adequa às regras básicas da nutrição saudável: balanço nutricional, variedade e moderação. Todos os nutrientes contidos na carne bovina são de primordial importância na alimentação humana, com destaque para o ferro.

A presença da carne na alimentação do primeiro ano de vida da criança garante o fornecimento de proteína de boa qualidade, de ferro e de zinco, que são importantes para diversas funções metabólicas. O ferro tem um importante papel na prevenção da anemia. O zinco contribui para o desenvolvimento da criança e prevenção contra doenças. Além disso, a carne contém vitaminas do complexo B, necessárias para a produção de energia e saúde das células.

Fonte: http://www.sic.org.br